Nossa empresa na manifestação do Rio de Janeiro

Esse mês de junho, como todos já estão cientes, estamos passando por um momento histórico nesses 500 anos vida da nação, momento que estará presente nos livros de história do nosso Brasil. E qual será sua participação nisso? Certamente as gerações futuras irão lhe fazer essa pergunta.

A Palmetal tem como missão social “Desenvolver o Brasil através da educação das crianças”, por isso, em momentos como esse devemos dar provas de que nossos valores são reais e vão bem além de uma frase em nossa home page.

Portanto, em 20 de junho de 2013, a empresa vai liberar (com o dia pago) seus funcionários para que participem da manifestação que acontecerá no centro do Rio de Janeiro, claro, com a expressa orientação para agirem de forma totalmente pacífica.

manifestação Rio de Janeiro

Um movimento como este possui ideias bastante difusas diferente de como foi o Fora Collor ou as Diretas Já, mas de qualquer maneira a Palmetal acredita que é uma oportunidade única para promover a causa que pode, sustentável e duradouramente mudar o país: a educação.

manifestação Rio de Janeiro

 

O Brasil ocupa a 53 colocação no ranking mundial de ensino

Atualmente no ranking mundial do PISA estamos na liderança inversa, somo a 53ª colocação atrás de países pequenos e, e alguns casos, devastados por guerras como a Sérvia ou a Colômbia, com sua FARC.

A razão desse quadro é um longuíssimo período de desinvestimento na educação primária e secundária do país. Tivemos apenas um único empreendimento sério e com vulto na área nos últimos 50 anos, e mesmo assim durou muito pouco tempo: os Cieps. Criados pelo singular político brasileiro em cargo executivo, que apesar de todos os seus defeitos, falou e fez algo de fato pela formação dos jovens brasileiros, Leonel Brizola.

Brizolões

A nossa sociedade em geral, diferente de outras sociedades pelo mundo, passou a ter menos consideração pelo magistério. Exceto para os casos de professores de universidades conceituadas, a nobre arte do ensino foi relegada aos “menos talentosos”, uma vez que pouquíssimos  jovens brilhante das classes A e B possuem como meta de vida seguir o magistério de primeiro ou segundo grau. Isso foi resultado de uma política de contínua desvalorização desses profissionais.

Como comparativo, no Japão, a única pessoa que não precisa se curvar ao imperador é o professor, e de forma alguma é acaso o fato de o Japão ser o oitavo no mesmo ranking que o Brasil está em 53º lugar.

 

Nossas propostas para a edução

Se o nosso pais tivesse escolhido ao invés do “Fome Zero” o “Educação 10” como prioridade em 2003, hoje, 10 anos depois, já teríamos uma face bem diferente da juventude. E essa falta de formação traz resultados bem reais para o nosso dia a dia aqui na empresa. Por exemplo, a cada 10 candidatos que entrevistamos, 9 não sabem calcular a área de um quadrado de 3m x 3m e não sabem fazer regra de três, requisitos mínimos para atuar no nosso ramo.

Diferente de outros membros da sociedade, a Palmetal faz críticas, mas também aponta soluções, e a nossa proposta para a melhoria do ensino no país estão em cinco pontos:

Solução:

  1. – Nova metodologia de ensino menos expositiva e mais participativa com foco em elevar a criatividade e disciplina do aluno, bem como o prazer de estudar por meio de exemplos práticos da vida cotidiana. 
  2. – Ensino em horário integral com todas as refeições saudáveis e prática esportiva de qualidade.
  3. – Valorização do professor através de aumento de salário, bônus por metas atingidas e principalmente treinamento intensivo.
  4. – Fim de qualquer tipo de cota para universidades
  5. – Aperfeiçoamento do intercâmbio da escola com outros entes da sociedade de notório reconhecimento como: empresas, ONG’s, governo, e escolas no exterior

 

Por isso, quem estiver nas manisfestações no centro do Rio de Janeiro no dia 20 de junho, poderá encontrar nossa equipe dando sua contribuição para o futuro do Brasil.

 

Alexandre do Nascimento
[email protected]

Palmetal é a empresa fabricante dos móveis em aço inoxidável Alezzia. A empresa foi fundada em 1990 e é a primeira a vender esse tipo de produto diretamente ao consumidor.

3 Comentários
  • Francisco Santos
    Postado em 09:57h, 20 junho

    Belíssima iniciativa da empresa, atitudes como esta só vem a somar com o propósito das manifestações e a contribuir para melhorias na qualidade de vida dos brasileiros.

  • adalia pio
    Postado em 12:36h, 20 junho

    oi meninas esqueceu de falar sobre inss os aposentados aqueles quer levou e continua levando o dinheiros dels na manifestacao voces nao falou nada ???Adalia sao paulo

  • eliana
    Postado em 15:56h, 20 junho

    Parabéns pelo apoio à educação !!!!!!!!!!

Enviar Comentário