Home office

Atualmente, muitas empresas têm adotado o home Office com forma de trabalho, ou seja, ter funcionários que trabalhem da própria casa. Esta prática ainda é muito questionada pela sua eficácia, porém, não se pode ignorar, as vantagens que essa atividade proporciona.

Em primeiro lugar, uma empresa que mantém um funcionário trabalhando em casa, reduz os custos de manutenção de um escritório, além de evitar atrasos ou faltas do funcionário, já que ele irá acordar em seu ambiente de trabalho.

Outra vantagem é para o meio ambiente e para a sociedade. Com menos pessoas na rua, andando de carro ou de ônibus, reduz o trânsito e, como conseqüência, a poluição gerada pelos automóveis.

Mas o benefício maior talvez seja para o funcionário, que além de evitar o desgaste de locomoção, trabalha no conforto e tranqüilidade do seu lar, com menos pressão e estresse que, em geral, teria dentro das empresas.

Mas é claro que é preciso ter disciplina e auto motivação para executar suas atividades dentro de casa, sem perder o foco e a atenção. Por isso, quanto mais agradável e bem estruturado for o ambiente, melhor para a produtividade.

Afinal, não é pelo fato de estar em casa que o profissional pode trabalhar de qualquer forma, deitado na cama com o laptop no colo ou com a TV ligada.

Por isso, se você trabalha por conta própria ou se sua empresa adotou o home Office, fique atento ao conforto e ergonomia da cadeira, a iluminação adequada de seu escritório, mesa para o computador na altura ideal e, o mais importante de tudo, silêncio e tranqüilidade. Se tiver mais alguém dentro de casa com você, como mães ou filhos, por exemplo, deixe claro dentro de casa que aquele momento deve ser de dedicação total às suas atividades e que ninguém deve atrapalhar sua concentração.

Desta maneira, tenho certeza que o profissional ficará muito satisfeito com sua produtividade e com o conforto proporcionado pelo fato de estar trabalhado de sua própria casa.

Aline Campista
[email protected]
No Comments

Enviar Comentário